Desperta seu sorriso saudável

A internet aproxima as pessoas do mundo inteiro, encurta processos e dinamiza a rotina de bilhões de trabalhadores. Mas nem tudo são flores no mundo digital. Isso porque tem muita gente se aproveitando dessas facilidades pra aplicar golpes. E você deve ficar esperto, ok? Tem golpe via e-mail, app de mensagem e até SMS. E para escapar dessas armadilhas é necessário ter atenção com as informações recebidas.
Quando a tentativa de golpe vem por e-mail, por exemplo, é importante avaliar o endereço de origem. Em boa parte dos casos, o e-mail não corresponde ao órgão mencionado. Após verificar o emissor, avalie os links anexados, antes de clicar Caso você não consiga validar o conteúdo, não clique em nada. É simples. desconfiou? Delete. Pronto.
Outra modalidade comum de golpe acontece via WhatsApp com mensagens que simulam, de forma geral, informações bancárias, promoções de grandes lojas e até benefícios do governo. Alguns programas roubam senhas, outros contatos, mas o objetivo é o mesmo: furtar os dados do usuário, causando prejuízo financeiro. Antes de clicar, procure a fonte da mensagem. Pergunte se aquela pessoa mandou mesmo aquilo pra você. E lembre que boa parte das instituições sérias não enviam informações confidenciais pelo aplicativo de mensagem, a exemplo dos bancos que mantém apps próprios.




E não compartilhe links desconhecidos, tá?



…

Atenção para os golpes via e-mail e app de mensagem!

A internet aproxima as pessoas do mundo inteiro, encurta processos e dinamiza a rotina de bilhões de trabalhadores. Mas nem tudo são flores no mundo digital. Isso porque tem muita gente se aproveitando dessas facilidades pra aplicar golpes. E você deve ficar esperto, ok? Tem golpe via e-mail, app de mensagem e até SMS. E para escapar dessas armadilhas é necessário ter atenção com as informações recebidas.

Quando a tentativa de golpe vem por e-mail, por exemplo, é importante avaliar o endereço de origem. Em boa parte dos casos, o e-mail não corresponde ao órgão mencionado. Após verificar o emissor, avalie os links anexados, antes de clicar Caso você não consiga validar o conteúdo, não clique em nada. É simples. desconfiou? Delete. Pronto.

Outra modalidade comum de golpe acontece via WhatsApp com mensagens que simulam, de forma geral, informações bancárias, promoções de grandes lojas e até benefícios do governo. Alguns programas roubam senhas, outros contatos, mas o objetivo é o mesmo: furtar os dados do usuário, causando prejuízo financeiro. Antes de clicar, procure a fonte da mensagem. Pergunte se aquela pessoa mandou mesmo aquilo pra você. E lembre que boa parte das instituições sérias não enviam informações confidenciais pelo aplicativo de mensagem, a exemplo dos bancos que mantém apps próprios.

E não compartilhe links desconhecidos, tá?

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.